Estamos Online!
0 comentários juraski Placas Fotoluminescentes, Iluminação de Emergência, Mangueiras de Hidrante, extintores, extintores, extintor de incendio, extintor abc, extintor pó quimico, empresa de extintores, loja de extintores, comprar extintor, extintor de incendio abc, extintor de pó quimico, empresas de extintores, instintor de incêndio, extintor incendio, extintor po quimico, empresa de recarga de extintores, extintor pó quimico abc, extintor de pó, extintor pó abc, fabricante de extintores, extintor grande, casa de extintores, comprar extintor de incêndio, fabricantes de extintores, extintor de incendio , extintor po, extintor de po quimico, loja extintores, extintor de po, empresas de extintores de incendio, extintores comprar, extintores em são paulo, inmetro extintores, extintor de, extintora, loja de extintor de incêndio, abc extintor, extintor de incendio comprar, extintor de incendio recarga, comprar extintor abc, extintores campo grande, ms extintores campo grande ms, distribuidora de extintores, fornecedores de extintores, comercio de extintores, loja extintor de incendio, encher extintor, extintores e hidrantes, extintores venda, pó de extintor, extintores sao paulo, extintor quimico, casa extintores, ms extintores campo grande, fabrica de extintores de incendio, compra de extintor, campo extintores, extintor em, extintor de abc, empresa recarga de extintores, extintor para empresa, extintor em pó, compra e venda de extintores, extintor hidrante, extintores segurança, hidrantes e extintores, extintor co2 recarga, incendio extintores, hidrantes extintores, hidrante extintor, empresa de extintores em são paulo

O procurador-chefe da Operação Lava Jato em Curitiba, Deltan Dallagnol, enviou nesta segunda-feira (21) uma carta ao CSMPF (Conselho Superior do Ministério Público Federal) na qual recusa a possibilidade de concorrer a uma promoção para as vaga de procurador regional da República. Assim, ele sinaliza que pretende continuar a coordenar os trabalhos da força-tarefa Lava Jato no Paraná, sob o seu comando desde 2014.

Deltan apresentou a carta no prazo limite para a desistência. Caso não se manifestasse contra a possibilidade, ele estaria apto a ser escolhido para ocupar uma das 10 vagas abertas pela PGR (Procuradoria Geral da República). São nove vagas para atuar em Brasília e uma para exercer o cargo em Porto Alegre.

Por meio de nota, o procurador confirmou ter enviado o ofício ao Conselho Superior do Ministério Público, “indicando que não tem interesse em concorrer à promoção no momento”.

De acordo com Deltan Dallagnol, “a decisão foi tomada após conversar com os demais procuradores da força tarefa”. O procurador da República, no MPF desde 2003, disse ainda que levou em consideração aspectos pessoais e profissionais.

COM LAVA JATO CONTESTADA, DELTAN VIVE MOMENTO CONTURBADO

O procurador vive um momento de turbulência e contestação desde que o portal The Intercept Brasil teve acesso a um pacote de mensagens privadas trocadas por meio do aplicativo Telegram. As reportagens têm sido publicadas pelo site, em parceria com outros veículos de comunicação, como UOL, Folha de S. Paulo e El País.

As mensagens do procurador com outras figuras centrais da Operação Lava Jato sustentam uma série de críticas contra a atuação dele à frente da força-tarefa. Entre as acusações que pesam contra Dallagnol está a de usar o cargo público para fins políticos.

Além disso, Deltan responde a pelo menos nove reclamações no CNMP (Conselho Nacional do Ministério Público). As apurações não têm relação com as mensagens trocadas pelo aplicativo, mas com declarações públicas do coordenador da força-tarefa Lava Jato no Paraná.

Fonte: https://paranaportal.uol.com.br/politica/deltan-dallagnol-recusa-promocao-lava-jato-em-curitiba/